OAB diz que decisão da Uniban sobre aluna expulsa é obscurantista e nefasta

Notícias

09/11/2009

OAB diz que decisão da Uniban sobre aluna expulsa é obscurantista e nefasta

09/11/2009
OAB diz que decisão da Uniban sobre aluna expulsa é obscurantista e nefasta

Fonte: Conselho Federal OAB

Ao comentar hoje (09) a decisão da Universidade Bandeirantes (Uniban) de expulsar a aluna Geisy Arruda, após alvo de grosserias e agressões por parte de vários alunos, o presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Cezar Britto, afirmou  que o Brasil contemporâneo não admite gestos como esse que vitimaram a aluna e que consagra "uma mentalidade obscurantista e nefasta, que há muito se supunha extinta deste país".

A OAB - disse Britto durante entrevista - soma-se às vozes que protestam, em todo o país, contra esse gesto de intolerância, discriminação e violência contra a mulher - entre os quais se incluem o próprio MEC e a UNE -, exigindo que o gesto prepotente e autoritário seja imediatamente revisto e a aluna retratada publicamente pela direção da Universidade.

Na opinião de Cezar Britto, a decisão da Uniban contra a estudante "chancela a barbárie e o preconceito", inadmissíveis em qualquer parte, sobretudo no ambiente universitário, que tem a missão de bani-los.
 

Voltar